Vale a pena abrir uma franquia em cidade pequena?

Vale a pena abrir uma franquia em cidade pequena?

O empreendedorismo com a abertura de uma franquia é o sonho de muita gente. Quer seja para sair do desemprego ou realizar o desejo de se tornar dono do próprio negócio, uma tendência que está chamando atenção é o aumento do número de pessoas optando por investir em franchising no interior.

Conforme dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), uma em cada quatro franquias está em pequenos municípios. Segundo o Sebrae, o consumo nessas áreas gira em torno de R$ 827 bilhões por ano, representando 38% do total do consumo nacional. Em Minas Gerais, por exemplo, para cada uma das vagas abertas em Belo Horizonte, seis foram criadas no interior.

O investimento em franquias longe dos grandes centros urbanos apresenta um exponencial crescimento, ganhando cada vez mais espaço, seguindo o rastro do crescimento nacional urbano. O interior torna-se mais atraente por uma série de fatores, como custos menores para locação, marketing e divulgação. Outro ponto de atratividade está no menor acirramento da concorrência.

A RenoveJÁ por exemplo, desenvolveu um modelo de negócios que se adapta bem a regiões de interior, com um investimento inicial de R$15 mil o empreendedor abre uma unidade na sua própria casa, evitando custos como aluguel e padronização de loja. Este modelo torna o custo fixo operacional mais baixo, com menor risco e margens maiores.

Oportunidade para investir em 2018, retomada do setor.

Oportunidade para investir em 2018, retomada do setor.

Setor de reformas deve movimentar cerca R$ 162,5 bilhões em 2018   Após ter adiado por causa da crise, brasileiro resolve fazer reparos residenciais. O aquecimento em progresso nas vendas foi sentido pelas lojas e fabricantes de materiais de construção a partir...

Como fazer vistorias de obras com qualidade?

Como fazer vistorias de obras com qualidade?

Como fazer vistorias de obras com qualidade? As vistorias de obras são fundamentais para a proteção jurídica das construtoras, imobiliárias e também do cliente. Elas buscam atestar a qualidade dos serviços para antecipar os problemas ou evitar que eles aconteçam...